vida saudável

Atualizações das minhas promessas

vida saudável

Como eu já disse no primeiro post do blog, eu resolvi fazer promessas pro novo ano e tentar sanar todas as coisas que me incomodam.

Eu tinha a intenção de postar coisas no blog mais frequentemente, mas a minha vida anda tão agitada, que quase não estou conseguindo me dedicar a isso.

É uma pena, pois eu realmente acredito que o blog vai me ajudar a conquistar os meus objetivos. É como um diário, mas aberto a todos que querem ler. E isso nos ajuda.

Estou muito feliz por anunciar que estou conseguindo cumprir parcialmente os objetivos que tracei nesse post: levar um estilo de vida mais saudável. Foi um baita de um desafio, afinal, começar a se privar de comer coisas que você ama bem na época do natal ou do ano novo é um desafio ainda maior. Se fazer isso normalmente já é super difícil (pelo menos pra mim), imagina fazer isso quando você tá de férias na casa da sua avó e ela te faz quitutes o tempo todo pra te agradar. E tenta explicar pra ela que você precisa levar uma vida mais saudável!! As respostas padrão são: “pra quê, você tá linda assim!!” ou “ah, é época de natal… ano que vem você começa!”…

E nem rola insistir senão ela fica super chateada por eu não comer o que ela faz. Ela entende como uma desfeita.

Bem, a minha solução é comer um pouquinho só: assim mato a vontade de comer coisinhas gostosas nessa época do ano e deixo a minha avó feliz por estar me agradando.

Então passei aqui pra dizer isso. Estou muito feliz por estar me segurando nas bobagens e conseguir comer mais frutas, verduras e legumes. E, olha: basta acreditar! Em si mesmo! E perseguir o seu sonho.

Força, galera. Bora comigo nesse desafio.

como fazer panetone

E como fica a vontade de comer panetone?

como fazer panetoneGente, eu PROMETI que ia fazer dieta no meu último post, que havia decidido começar e que nem as delícias de natal iam me impedir. Mas vou confessar uma coisa: ir ao supermercado e ver todas aquelas embalagens apelativas de panetone, cheias de frutinhas cristalizadas e com aquele recheio de chocolate transbordando pra fora do caixa é simplesmente uma tortura chinesa!!

Eu sei que nem sempre as caixas condizem com a realidade, mas eles definitivamente estão cumprindo o propósito delas: me deixar com MUITA vontade de comer panetone.

Mas poxa vida, até um blog eu fiz pra poder traçar metas, escrevê-las e cumpri-las. Seria muita falta de sacanagem eu desistir depois de definir a primeira meta e promessa de ano novo. Mas esses panetones realmente estão de sacanagem comigo… Vou fazer greve de supermercado, é o jeito!

Putz, mas aí também vou precisar fazer greve de TV, de internet, de tudo! Nem vou poder sair na rua! Afinal, as propagandas de panetone estão em todos os lugares! AAAAAHHHHHHH!! Sacrifício!

Mas uma conclusão eu tirei disso tudo: fazer o blog ajudou. Porque toda vez que eu pensava em colocar um panetone no carrinho eu pensava: “poxa vida, mas até escrevi no blog que ia melhorar minha alimentação… não dá pra desistir no primeiro mês!!” rsrsrs

Bem, mas como eu odeio tudo que é radical, eu pensei: “alguém já deve ter pensando em alguma ideia brilhante pra ajudar pessoas desesperadas por comer panetone mas que querem emagrecer ou ter uma dieta saudável, não é possível”. Então, em vez de ficar sofrendo, o que eu fiz?

Fui buscar uma solução.

Isso é muito lindo, esse negócio de buscar soluções. Achei fantástico. É tão óbvio e tão brilhante ao mesmo tempo, mas 99% do tempo a gente não pensa nisso.

Bem, enfim. Lembram do site Delícias Festivas que eu falei pra vocês no último post? Então, eu tava dando uma navegada por lá e vi uma página de como fazer panetone. Tinha um blá blá blá mas recomendava um curso para ensinar a fazer panetones pra poder dar uma economizada nessa época do ano.

De cara já pensei: bom, só o fato de ser caseiro já exclui os corantes e conservantes que as comidas industrializadas têm. Ponto pro panetone caseiro!

Mas então eu fui dar uma olhada no curso e… gente! Salvou minha vida.

Tem umas receitas muito maras: panetone de peito de peru, panetone light, panetone leve, panetone diet! Bom, como eu tô decidida a mudar e não sofrer com isso, comprei o curso e não me arrependi nem um pouco. É muito interessante! Lógico que tem as receitas gordas também, mas tem essas super legais que encaixaram exatamente no que eu queria.

Afinal, pessoa, deixa eu esclarecer: a minha ideia é evitar o que faz mal, e não emagrecer. Porque eu já disse aqui no blog que gorda, eu não sou.

ceia-de-natal-cardapio-saudavel

O primeiro combate (ou promessa): Ser saudável!

Como eu disse no post anterior, vou começar a escrever aqui sobre minhas promessas de ano novo.

Ah, mas não poderia ser outra coisa, não é?!

Acho que a vontade de 99,9% das pessoas é emagrecer, ter um corpo bonito, ou pelo menos ser mais saudável!

Ainda bem que não tenho problemas com o meu peso. De vez em quando ganho uns quilinhos a mais, mas logo consigo me livrar deles. Porém, eu simplesmente não consigo ter uma alimentação saudável e dietas balanceadas! Eu acho impossível!ceia-de-natal-cardapio-saudavel

Opa, me corrigindo: ACHAVA! Agora tudo vai mudar. Tá decidido!

Mas se tem uma coisa que eu não entendo MESMO são as pessoas que decidem que vão começar um regime, mas adia o início pra segunda-feira. O famoso “segundo-feira eu começo”. Gente, isso não faz o mínimo sentido. Afinal, se você está decidido a colocar um projeto em ação, o fator emocional e motivacional influencia muito. Você tem que começar imediatamente. Senão, até a segunda-feira chegar, você já se esqueceu de todos os planos e de toda a motivação que você encontrou no momento que você decidiu começar a dieta. Decidiu agora? Comece agora!

Agora, outra coisa que eu não consigo entender é abrir uma exceção pra dieta aos finais de semana, feriados e datas comemorativas, como a ceia de natal, por exemplo. Eu até entendo que não dá pra viver 100% do tempo se privando de comer o que você quer, qualquer um surta. Mas isso não é motivo para se acabar nas porcarias aos finais de semana e feriados, afinal, você vai acabar ganhando tudo de volta o que conseguiu se livrar durante a semana. Pois é, nosso corpo nem sempre é gente boa: ganha-se em dois dias o que se perdeu em cinco facilmente (bom, pelo menos o meu corpo é assim!).

Qual é a solução, então, para os finais de semana, feriados e datas comemorativas?

Que tal comer coisas gostosas com moderação? Sem se empanturrar? E que tal procurar alternativas mais saudáveis do que as convencionais? Não precisa ser extremamente regrado, mas também não é necessário chutar o balde!

A ceia de natal está chegando, né?! E com ela, já logo pensamos no cardápio da ceia de natal! Todas aquelas gordices já dão água na boca, mas que tal procurar opções mais saudáveis?

Foi o que eu fiz, e incentivo você a fazer o mesmo. Isso é muito mais do que uma questão de estética, é questão de saúde. Dei uma fuçada pela web para encontrar algumas alternativas saudáveis de receitas para a ceia de natal. Vou deixar aqui a minha recomendação pra quem quiser começar a mudar de vida a partir do momento que tomar essa decisão sem postergá-la:

Site Delícias Festivas – Ceia de Natal Cardapio – Página com indicação de um curso excelente com várias receitas para datas festivas, entre elas, a ceia de natal. Lógico que existem as receitas comuns, mas também existem opções variadas e saudáveis. Eu comprei o curso e não me arrependo nem um minutinho. A ceia da nossa família foi toda planejada com esse curso.

Espero ter inspirado você a começar a sua mudança também!

 

 

 

 

new-years-day-1065671_1920

Minhas promessas de ano novo

Chega essa época do ano e a gente logo já pensa em tudo que ficou pra trás, como as nossas conquistas. Porém, parece que pra mim, o que mais me vem à mente, o que fica mais forte aqui dentro é tudo aquilo que eu NÃO conquistei.

Parece que todas essas pendências martelam na minha cabeça, me pressionando e me deixando com peso na consciência por não ter, mais um ano, corrido atrás dos meus sonhos.

E aí eu me lembro de como eu estava há exatamente um ano atrás: pensando em como mais um ano se passou e eu não realizei boa parte do que havia desejado. Mas que tudo bem, afinal, eu ainda sou nova, tenho muita vida pela frente e muito tempo para correr atrás do que eu desejo. Então, bora fazer as promessas do novo ano.

E então me dou conta de que estou prestes a fazer exatamente a mesma coisa: adiar meus planos! Pensar que posso simplesmente pegar todos aqueles projetos que eu tinha feito há um ano atrás para terem sido realizados nesse ano que passou e postergá-los para realizar pro próximo ano. Geralmente, me sinto cheia de vontade e entusiasmo ao planejá-los, mas não tenho forças durante o ano para realizá-los. Triste isso, não?

Mas então decidi dar um basta nisso. Como eu já disse quando escrevi sobre mim e sobre o propósito desse blog, eu sinto que venho adiando a minha vida e não vivendo-a. E o blog surgiu para que eu possa compartilhar com quem quiser ler os meus Combat Diaries – Diários de combate!

Então nos próximos posts eu vou começar a escrever sobre as minhas promessas para o novo ano!

Obrigada por acompanhar o blog, isso me ajuda muito.